9 de dezembro de 2015

Menos cartões e mais amor, por favor.

O post de hoje é mais um daqueles aleatórios, mas que deu uma vontade MONSTER de vir aqui, sentar e escrever sobre.
Dezembro é o mês oficial do ano em que mais se ouve falar em amar as pessoas, ser mais tolerante, mais solidário, mais esperançoso, respeitoso e acreditar num futuro melhor. Quem aí pratica isso o ano inteiro? Quem aí pratica de verdade com todo mundo e não apenas consigo?

Ontem, eu estava caminhando até o shopping e me deparei com esta cena:

post

Como vocês podem perceber, eu fui obrigada a fotografar.
Antes de mais nada, quero deixar claro que não estou aqui pra levantar bandeira nenhuma a favor desse ou daquele pela opção sexual, religião ou time de futebol, mas quis compartilhar com vocês um sentimento que tomou conta de mim no minuto em que vi esses dois caminhando abraçados.

Tão carinhosos, felizes e indiferentes a julgamentos. Mais sinceros do que frases impressas em cartões hipócritas de natal desejando que seu coração se encha de amor e compreensão, mas ao verem uma cena dessas são os primeiros a poluir as redes sociais com seus grandes textos contraditórios e preconceituosos.

Por que as pessoas ainda se incomodam tanto com isso? É amor!

O amor é livre. Cada um tem direito de amar quem quiser. Essa foto prova que o amor verdadeiro não é o que se imprime por aí em papéis, muros e dito aos berros pra todo mundo ouvir. Ele está no silêncio das boas intenções e nas atitudes.

Nesse ano, eu não quero cartões de natal. Quero gestos sinceros de amor.

Gostaria de poder reencontrar esse casal fofo e desconhecido, que fiz uso da imagem, pra agradecer os tantos sentimentos lindos que me proporcionaram e que me rendeu esse post.

Super beijo cheio de batom vermelho!

Comentários

  1. Fernanda

    Mais tolerância e respeito ao próximo, por favor, e não só no Natal.
    Achei lindo o exemplo do casal, só seguindo a vida e sendo fofos um com o outro <3

    1. Pricila Daguerre Autor do post

      Lindo exemplo, né? E assim deveriamos ser todos. Viver nossas vidas sem nos preocupar com o que acham. Apenas dar amor pra quem quisermos. Obrigada pela visita. Beijosss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *